Fundação oferece bolsas de pesquisa na Alemanha

A Friedrich-Ebert-Stiftung foi criada em 1925 como legado político do primeiro presidente alemão eleito democraticamente. A missão da fundação é fomentar a formação política e social de homens e mulheres de todas as esferas da sociedade em um espírito de democracia e pluralismo; oferecer bolsas de estudo a jovens garantindo o acesso ao ensino superior e a investigação; contribuir para a compreensão e a cooperação internacional. Nesse sentido, a fundação apoia candidatos estrangeiros que já estudam ou realizam estudos na Alemanha. As bolsas de estudo só serão concedidas a candidatos estrangeiros que tenham se matriculado em uma universidade alemã ou que tenham lá um supervisor para o seu doutorado e que vivam na Alemanha. Os bolsistas estrangeiros irão receber entre 650 e 1000 euros por mês, entre outros benefícios.

A Friedrich-Ebert-Stiftung (FES) apoia:

  • Todas as especializações acadêmicas.
  • Estudantes de universidades públicas ou aprovadas pelo estado e de universidades de ciências aplicadas / colégios politécnicos (FH).
  • Programas de pós-graduação (PhD) / doutorados.
  • Uma segunda licenciatura.
  • Fases finais de pesquisas científicas.
  • Doutorados em Medicina.
  • Programas de estudos ou doutorados fora da Alemanha.

Benefícios/pagamentos:

  • 650 euros por mês (programa básico de bolsa) / 1.000 euros por mês (programa de bolsa de doutorado).
  • Reembolso do seguro saúde
  • 276 euros de subsídio familiar, a solicitar.
  • Subsídio familiar por filhos, a solicitar.
  • Todos os ingressos que excedam os 400 euros por mês (4.800 euros ao ano) serão descontados da bolsa.

Contrapartida: A FES espera dos bolsistas que:

  • Participem dos seminários da FES e das atividades dos grupos de bolsistas FES nas universidades de forma regular.
  • Tenham um resultado de rendimento acima da média da carreira.
  • Continuem e intensifiquem seu compromisso sociopolítico.
  • Apresentem a cada meio ano um informe sobre seu rendimento acadêmico atual e seu compromisso social/político.

Os bolsistas estrangeiros receberão uma ajuda financeira, um programa social e político extenso com seminários, etc. O domínio da língua alemã é crucial, mesmo que o programa de estudo se realize em inglês. Por isso, é necessário comprovar o domínio adequado da língua alemã por um dos certificados oficiais existentes de competência na língua (Certificado Goethe C1; DSH-2; o Test DAF, nivel 4).

No momento da aplicação, os estudantes estrangeiros deverão ser capazes de apresentar uma prova de seu desempenho acadêmico inicial na carreira, com exceção dos matriculados nos programas de mestrado e doutorado ou outros programas de pós-graduação.

Programa de graduação: até 3 semestres antes de terminar o período de estudo padrão (sim, são seis meses até o fim do terceiro semestre; sim são 7 semestres até o fim do quarto semestre).

Programa de mestrado: até o final do primeiro semestre.

Programa de doutorado: ter sido aceito em uma universidade alemã (carta oficial de aceitação) e contar com uma exposição do projeto de teses.

O processo de aplicação tem uma duração de 4 a 7 meses.

Processo de Candidatura

  • Formulário de Candidatura: por favor, opção “Online-Bewerbung” disponível na internet.
  • Entrevistas individuais: em um segundo passo, os candidatos selecionados serão convidados para duas entrevistas individuais. A primeira entrevista será conduzida por um professor de confiança da FES, e a segunda por um membro do comitê de seleção da FES.
  • Decisão do comitê de seleção (AWA): dois relatórios serão escritos com base nestas entrevistas e apresentados a AWA. O AWA tomará a decisão final sobre a sua aplicação.
  • Notificação por escrito: será notificado sobre a decisão do AWA.

As candidaturas decorrem até o dia 30 de junho.

Mais informações podem ser obtidas no site oficial.

Compartilhar:
}